top of page
Folha branca

Projetos
que transformam vidas

Agende sua Consulta

Clique no botao abaixo para agendar sua consulta particular com a profissional Gabriela Carletto, voce será redirecionada diretamente para o whatsapp

Projeto Vozes do Autismo

O Projeto Vozes do Autismo tem o objetivo de sensibilizar a sociedade para o TEA, a partir da percepção e da experiência de vida do sujeito autista.Por meio de relatos enviados por email, eu irei realizar a leitura destas histórias, que podem ampliar a nossa visão sobre o autismo, quebrar alguns paradigmas, e proporcionar a formação de uma sociedade mais equânime, diversa e incusiva.Se você é uma pessoa autista, e tem o desejo de compartilhar seus pensamentos por meio da minha leitura, envie seu relato para o e-mail: contato@institutopratyahara.com  .Eu irei ler os relatos, de forma integral ou em pequenos trechos, sempre sem identificar o remetente, mantendo a ética e o sigilo. Os vídeos com as gravações ficaram disponíveis no Instagram e Youtube.

Projeto Ser no Mundo

Sentir, perceber, elaborar, comunicar, se relacionar.
Existir - no Mundo.
Ser no Mundo.
Pessoas autistas, podem sentir e perceber o mundo de forma diferente, com maior e menor intensidade em relação as pessoas típicas.
Isso faz com que a experiência de vida seja distinta, singular, podendo gerar uma dificuldade maior, em entender e comunicar as experiências vividas, o que acaba desencadeando crises sensoriais e emocionais, isolamento social, estress, doenças autoimunes e outras comorbidades.
O Projeto Ser no Mundo parte deste princípio para criar uma rede empática, através da escuta compassiva realizada nos Grupos Terapêuticos, pensados para acolher pessoas autista adultas.
Além da escuta e da possibilidade de troca de experiência com outras pessoas autistas, estarei a cada encontro propondo temas que sejam relevantes para o autodesenvolvimento e saúde integral do Ser.
Iremos trabalhar com práticas de Mindfullness e Escrita Criativa como forma de desenvolver autopercepção, regulação emocional e construção de narrativas de vida.

As inscrições podem ser feitas através da bio no instagram gabriela_carletto

Projeto Aldeia Atípica

Existe um provérbio africano que diz que para se educar uma criança é preciso toda uma aldeia. Isso significa que uma criança não se forma somente a partir de seus pares ou de sua família, mas a também a partir do vínculo que ela estabelece com a comunidade e a sociedade em que vive.

O Projeto Aldeia Atípica parte deste princípio com intuito de criar uma rede empática, através da escuta compassiva realizada nos Grupos Terapêuticos, pensados para acolher,mães, pais, avós, irmãos, ou aqueles que de alguma forma, participam do cuidado e do desenvolvimento da criança ou do adolescente Neurodivergente.

Além da escuta e da possibilidade de troca de experiência com outras famílias atípicas, estarei a cada encontro trazendo um tema relevante sobre o desenvolvimento da criança e do adolescente, assim como pesquisas sobre saúde mente-corpo, autismo e outras neurodivergencias, educação, inclusão, possibilidades de cuidado.

Seminários Clinicos tambem fazem parte do Projeto Aldeia Atípica, ampliando a possibilidade de trocas com outros profissionais e a toda Aldeia que cuida.

 

No Instagram @gabriela_carletto você encontra o link de inscrição com as informações dos diferentes grupos realizados.

Projeto Ecoê

O Projeto Ecoê nasceu de uma identificação entre as Psis. Gabriela Carletto e a Andressa Staut, duas mulheres autistas, neurodivergentes, que se encontraram, contruiram uma amizade e vários projetos bacanas.

O Ecoê realizou durante dois anos, diversos Grupos Terapêuticos oferecendo uma escuta de qualidade, proporcionando encontros, trocas de experiências e saberes entre pessoas neurodivergentes.

Em 2023 iniciamos o Projeto do VideoCast Mulheres Neurodivergentes, oferendo um lugar de fala a mulheres que queriam compartilhar suas narrativas de vida e profissionais da área da saúde e educação, apresentando novas pesquisas sobre o tema em diferentes campos de pensamentos.

O VideoCast esta disponível no Spotify e no Youtube/mulheresneurodivergentes

Projeto Diálogos

Ser subjetivo é sentir, perceber e vivenciar cada experiência a partir da singularidade.
A ideia do Projeto Diálogos é produzir artigos científicos, obras literárias e produções audio-visuais, que possam transmitir o meu sentir ao mundo e do
 desejo de poder ampliar o repertório sobre diferentes assuntos, criando pontes, conectando pessoas, ideias, fazendo conexões, construindo desta forma, uma sociedade mais equânime.

 

Dentro deste projeto estou fazendo a coordenação editorial de uma obra com a Editora Literare intitulada Mulheres Neurodivergentes - invisibilidade, identificação e acolhimento.

 

O PodCast Diálogos sobre Subjetividade também esta sendo produzido, e abordando diálogos conctados com assuntos que tocam a nossa alma. Para isso convidei a Su Verri Fundadora do ALC Nature, para constrir junto comigo, este espaço, recebendo convidados para dialogar sobre a subjetividade e o mundo.

O PodCast está no Spotify e no YouTube/gabrielacarletto.

bottom of page